Macros: criando e utilizando

Postado por Samuel Lima em 21 de Abril de 2016  •  Comentários (0)  • 

Um outro recurso que impressiona e que também faz parte do C, são as macros.
Para criar uma macro basta usar a diretiva #define e incluir na frente um nome
que será o identificador da macro.
O c possui diversas diretivas que foram definida pelo padrão C ANSI,
más neste e na maioria dos programas mais simples, usamos pelo menos duas que são: #include e #define.
Estas diretivas são definidas geralmente numa única linha e ponto-e-vírgula não são usados.
Espaços são aceitos entre o nome e a string desde que a macro não esteja recebendo parâmetros.
Vale lembrar que se a string for muito longa basta colocar uma barra invertida no final da
linha para que o compilador entenda que tem que continuar na linha seguinte.
Definir os nomes de uma macro em maiúscula pode ser uma boa prática
de programação, porém não são regras.
O programa que criei para exemplo gera 12 números num vetor, e em seguida embaralha
seus elementos, e são chamados um por vez, para que as operações sejam feitas
individualmente.
Criei algumas macros para este exemplo e mostro na prática seu
funcionamento, na verdade fui bem além, em chamar a função textcolor();
da conio.h através de macro rodando perfeitamente.
Pretendo mostrar outro exemplo de uso de macros mais avançado,
e não quero incluir neste programa para não torna-lo mais complicado,
portanto será muito bom vê-lo no próximo post.

Tags: C/C++ |

  • Download
  • Comentar
  • Comentários
blog comments powered by Disqus

Comentários ir para topo

Código fonte ir para topo