C/C++ | Qsort - ordenando uma matriz de inteiros

Postado por Samuel Lima em 28 de Maio de 2016  •   •  Clicks (510)  •  (0)  • 


A função qsort(); é mesmo fantástica, nós já nos sentimos muito satisfeito em
saber usá-la em nossos programas para ordenação em qualquer tipo aceito do C,
imagine os responsáveis pela criação desta incrível função o quanto não se
alegraram ao vê-la fun

C/C++ | Qsort - ordenando uma matriz de string

Postado por Samuel Lima em 27 de Maio de 2016  •   •  Clicks (519)  •  (0)  • 

No post anterior os leitores observaram o quanto é fácil usar a função qsort();
para ordenar um vetor de estrutura, ode nele escrevi um pouco sobre esta importante
função do C.
Neste exemplo mostro como ordenar uma matriz de string, o que é ainda mais fácil
a única surpresa, más que não foge da

C/C++ | Qsort - ordenando um vetor de struct

Postado por Samuel Lima em 26 de Maio de 2016  •   •  Clicks (429)  •  (0)  • 


Neste exemplo que trago agora vou mostrar como ordenar uma um vetor de estrutura
usando a função qsort(); da biblioteca padrão stdlib.h do C.
A função qsort(); é derivada de uma série de refinamento da famosa
e antiga função quicksort(); e na realidade passou a ser padrão há alguns anos

C/C++ | Arquivo - formato específico com fscanf

Postado por Samuel Lima em 26 de Maio de 2016  •   •  Clicks (386)  •  (0)  • 


Se já estamos acostumados a ler de forma formatada com scanf();
não estamos muito longe de entender como ler de modo idêntico com fscanf();
Ora, estudantes de linguagem C devem achar isto perfeitamente possível e necessário em alguns casos.
A função fscanf() funciona como a função scanf(). A diferença

C/C++ | Arquivo - leitura por fscanf

Postado por Samuel Lima em 26 de Maio de 2016  •   •  Clicks (371)  •  (0)  • 

Sempre que um arquivo é aberto, podemos escolher pelo menos três maneiras para lê
os seus dados que são: Caracter por caracter através das funções fgetc() e fputc(); da biblioteca padrão ou uma string de cada vez pelas funções fgets() e fputs(); , ou especificando um formato através das funções fscanf(

C/C++ | Mega da virada - Linguagem C

Postado por Samuel Lima em 26 de Maio de 2016  •   •  Clicks (935)  •  (0)  • 


Tudo começa com a impressão de dois vetores de inteiros inicializados por um
contador com laço for, um com elementos de 6 a 15, que representa o total de
de números que serão jogados, já o outro com números de 1 a 60 são os dígitos
que serão marcados, onde a escolha mínima é de 6, e a m

C/C++ | Programa loteca

Postado por Samuel Lima em 26 de Maio de 2016  •   •  Clicks (612)  •  (0)  • 

Ótimo programa criado em linguagem C, com exeção de poucas funções da API do
windows para manipulação do mouse no cmd, ( prompt de comando ), é um tanto
impressionante criar esta interface com todos os detalhes que foram aplicados,
nem parece que o programa está sendo rodado na velha telinha preta do dos.
O

C/C++ | Matheus, segunda parte da FESO

Postado por Juliana Palheta em 16 de Maio de 2016  •   •  Clicks (774)  •  (0)  • 


#include
#include

int main()
{
#include
#include

// Protótipo da função fibonacci
int fibonacci(int n);

// Função Principal
int main(int argc, char** argv) {
int n;

// Lê a posição do termo
printf(&

C/C++ | Macros: uso avançado

Postado por Samuel Lima em 21 de Abril de 2016  •   •  Clicks (627)  •  (0)  • 

Como prometi apresento este segundo exemplo mais avançado sobre Macro.
E falando ainda sobre a diretiva #define um recurso poderoso do C.
Blocos de códigos, rotinas completas e até mesmo funções podem ser encapsuladas
dentro de uma macro, como é o caso deste exemplo.
Criei algumas Macros, a macro GOT recebe uma funç&atil

C/C++ | Macros: criando e utilizando

Postado por Samuel Lima em 21 de Abril de 2016  •   •  Clicks (471)  •  (0)  • 

Um outro recurso que impressiona e que também faz parte do C, são as macros.
Para criar uma macro basta usar a diretiva #define e incluir na frente um nome
que será o identificador da macro.
O c possui diversas diretivas que foram definida pelo padrão C ANSI,
más neste e na maioria dos programas mais simples, usamos pelo menos duas que

C/C++ | Const: controlando variável

Postado por Samuel Lima em 21 de Abril de 2016  •   •  Clicks (451)  •  (0)  • 

Const é um modificador ou qualificador num acesso à variável, na verdade ele trabalha controlando uma variável não permitindo modificações de seus valores.
Uma variável const pode ser inicializada como qualquer outra variável no C, porém, como no meu caso pode ser que o seu compilador a defina como somente leitura se for

C/C++ | Typedef - renomeando tipos

Postado por Samuel Lima em 15 de Abril de 2016  •   •  Clicks (336)  •  (0)  • 

Todos devem saber que é permitido a criação
de novos nomes para qualquer tipo suportado pelo C usando
o comando typedef cuja sintaxe é: typedef tipo ( novo_nome ).
A declaração de um novo nome para um tipo qualquer aceito,
é preferivelmente feito logo após as declarações das bibliotecas
que ser

C/C++ | Arquivo bin: gerando - gravando e lendo inteiros

Postado por Samuel Lima em 15 de Abril de 2016  •   •  Clicks (421)  •  (0)  • 

Flexibilidade e poder são o que penso a respeito do sistema de arquivos do C.
O C nos permite abrir arquivos binários ilegível a nós humanos, da mesma forma como abre arquivos de texto totalmente compreenssíveis.
Com certeza é bem mais seguro criar um arquivo onde a ilegibilidade
não permite a comprensão, muito menos ain

C/C++ | Variável static local

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (360)  •  (0)  • 

Quando precisamos de uma variável de valor efetivo entre chamadas
de funções, usamos com efeito o modificador static.
Sabemos que variáveis locais só podem ser usadas dentro da função
onde foi declarada e variáveis globais podem ser usadas sem problemas
em qualquer função dentro do mesmo programa.

C/C++ | Vetor - invocando vetor

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (467)  •  (0)  • 

Depois de dois mêses sem programar apresento este segundo
programa selando meu retorno,"Vetor - invocando vetor".
Dois vetores pré-definidos, e duas funções de embaralhamentos,
são os pontos principais deste programa.
Um vetor escolhe através de um número aleatório automático,
quantos element

C/C++ | Matriz - preenchimento sem repetição

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (452)  •  (0)  • 

Graças aos ponteiros podemos obter tudo o que precisamos para
alocar memória dinâmicamente, isto é em tempo de execução.
O sistema de alocação dinâmica do C é soberbo e flexível, tendo
como ponto negativo a necessidade do programador alocar e desalocar
manualmente.
É bem importante

C/C++ | O jogo da velha II - linguagem c

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (954)  •  (0)  • 

Jogo da velha escrito em linguagem c e sem nenhuma biblioteca gráfica,
só algumas funções da API do windows para acionar os cliques do mouse
no console, (cmd).

C/C++ | O jogo da velha I

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (827)  •  (0)  • 

Este jogo da velha criado por mim, que levou o título de: O jogo da velha I,
é o primeiro de alguns que pretendo criar, as idéias são muitas más falta
tempo para programar, quem programa sabe disto, as vêzes nos deparamos com
obstáculo durante a programação que pode levar horas para desenrolar.
Entre outr

C/C++ | O jogo das côres

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (517)  •  (0)  • 

Baseado em outros programas no qual mostrei o funcionamento em vídeo criei este aqui:
"O jogo das côres".
A finalidade do programa é de reunir três côres iguais na mesma linha ou na mesma
coluna ou nas diagonais da tabela, e quando isto acontece o programa retorna as
seguintes mensagens: Sequência premiada com a côr

C/C++ | Vetor : côres secretas - números secretos

Postado por Samuel Lima em 09 de Abril de 2016  •   •  Clicks (309)  •  (0)  • 

Atrás de cada um dos números visíveis nos retângulos da tabela
onde mais parece uma matriz más não é, temos uma côr e um número
escondido, que são mostrados na chamada de cada posição do vetor.
Este vetor opera permitindo que se escolha suas posições em modo
aleatório,